Basílica e Convento Nossa Senhora do Carmo – muita história para contar

Basílica Nossa Senhora do Carmo - Recife

 

A Basílica e o Convento Nossa Senhora do Carmo do Recife pertencem à Ordem dos Carmelitas e o conjunto faz parte do Patrimônio Histórico Nacional, tendo sido tombados pelo IPHAN em 1938.

Basílica Nossa Senhora do Carmo

Neste nosso giro pelo Recife Sagrado, não podíamos deixar de visitar a  Basílica e o Convento Nossa Senhora do Carmo. É uma visita quase obrigatória para quem gosta de monumentos históricos, visto ser a Basílica do Carmo um dos mais importantes monumentos religiosos de Pernambuco.

A Basílica e o Convento pertencem à Ordem dos Carmelitas, que chegaram ao Brasil em 1580, quando foi iniciada a construção do primeiro Convento Carmelita no Brasil, na cidade de Olinda.

Igreja Nossa Senhora do Carmo - Recife
Basílica Nossa Senhora do Carmo

Quando estiverem admirando a arquitetura da igreja, observem que apesar da fachada possuir duas torres, somente a torre sineira da esquerda foi concluída, a da direita está inacabada. Segundo a guia da viagem que fizemos para o Sul de Minas, as igrejas não acabavam a construção da segunda torre, porque com a obra inacabada, eles tinham uma justificativa para pedir donativos para a conclusão da igreja. Ops!  😱

O interior da Basílica do Carmo

Basílica Nossa Senhora do Carmo - Recife
Nave da Basílica Nossa Senhora do Carmo. 📸 Mª Eugênia

A Basílica possui nove altares entre o altar-mor e seus altares laterais, sendo o altar-mor dedicado à Nossa Senhora do Carmo, a padroeira do Recife. O altar-mor é todo revestido em talha dourada e há uma imagem de tamanho natural da Virgem do Carmo. Muito bonito!

Basílica Nossa Senhora do Carmo - Recife
Altar-mor da Basílica Nossa Senhora do Carmo. 📸 Mª Eugênia

Os altares laterais são no estilo barroco, também ricamente trabalhados em talha dourada.

Basílica Nossa Senhora do Carmo - Recife
Altares laterais da Basílica Nossa Senhora do Carmo. 📸 Mª Eugênia

Em 1908, Nossa Senhora do Carmo foi declarada padroeira do Recife pelo Papa Pio X. E em 1917, o Papa Bento XV elevou a Igreja do Carmo à Basílica Menor.

Convento Nossa Senhora do Carmo

A construção do Convento do Carmo começou após a expulsão dos holandeses em 1654 (lembra das aulas de história? 😉). A Câmara de Olinda doou aos padres carmelitas o Palácio da Boa Vista, construído por Maurício de Massau – e uma de suas residências – para que ali fosse instalado o hospício da cidade.

Interessante que a mistura do público e privado era alguma coisa ok para a sociedade da época. Imaginem hoje um governo doando um patrimônio público para uma igreja. Acho que isso não acontece mais né? 😉

 

Convento Nossa Senhora do Carmo - Recife
Convento Nossa Senhora do Carmo. 📸 Mª Vitória
Pátio do Convento do Carmo - Recife
Pátio do Convento do Carmo – foto Mª Eugênia

 

Não sei o que a Maria Vitória e eu estávamos observando no chão quando fomos clicadas pelas lentes da Mª Eugênia. 🙂

Convento Nossa Senhora do Carmo - Recife
Convento Nossa Senhora do Carmo. 📸 Mª Eugênia

Residindo no palácio (que virou hospício) os padres carmelitas começaram a construção de um convento, uma senzala 😮😮😮 e uma capela dedicada à Nossa Senhora do Carmo.

No ano de 1685, Diogo Cavalcanti Vasconcelos, um senhor de engenho, ofereceu-se como benfeitor, assumindo as despesas da construção da capela-mor de uma nova igreja a ser construída, em troca de ter o direito de ele e seus familiares serem sepultados no local.

Jazigos na Basílica do Carmo
Jazigos na Basílica do Carmo

Ao lado da igreja há um local onde um pequeno grupo de famílias têm o privilégio de ter ali o seu jazigo. Quanto mais perto do altar, mais abastada era a família. Não sei se é aqui que Diogo Cavalcanti Vasconcelos e seus familiares estão sepultados.

Num dos corredores do Convento do Carmo nos deparamos com a exposição destes sinos e na parede, um painel com a cronologia da história da Basílica e Convento do Carmo.

Convento Nossa Senhora do Carmo - Recife
Convento Nossa Senhora do Carmo. 📸 Mª Vitória

 

Um pouquinho de história

Lembram de frei Caneca, que vocês estudaram em suas aulas de história? Pois foi aqui que frei Caneca fez seus votos religiosos e ordenou-se no Convento do Carmo e é onde está enterrado, embora não se saiba o local exato.

Frei Caneca foi um líder revolucionário com ideias republicanas do início do século XIX. Por sua atuação política foi condenado à morte por enforcamento. Em 13 de janeiro de 1825 foi montado o espetáculo para seu enforcamento diante do muro do Forte das Cinco Pontas, mas os três carrascos convocados se recusaram a enforcá-lo, então ele foi executado por um pelotão de fuzilamento. Após a execução, seu corpo foi colocado dentro de um caixão e deixado em frente ao Convento do Carmo. Os padres o recolheram e o enterraram, mas não se sabe onde. (Wikipédia)

 

Zumbi dos Palmares e o Pátio do Carmo

O Pátio do Carmo, situado em frente à Basílica, tem uma história trágica ligada a Zumbi dos Palmares. Foi aqui neste pátio, que Zumbi teve sua cabeça exposta, após ter sido morto em 20 de novembro de 1695. Sua cabeça foi cortada, salgada e levada ao governador Melo e Castro e foi exposta no Pátio do Carmo, visando desmentir a crença da população sobre a lenda da imortalidade de Zumbi. (fonte: Wikipédia.)

Pátio do Carmo - Recife
Pátio do Carmo – 📸 Mª Vitória

Em 1995, o dia 20 de novembro, data da morte de Zumbi, foi adotado como o Dia da Consciência Negra no Brasil.

Localização do Convento e Basílica Nossa Senhora do Carmo
Av. Dantas Barreto, 646 – bairro Santo Antônio

Onde nos hospedamos

Ficamos hospedadas num confortável flat na Praia de Boa Viagem.

O Boa Viagem Flat BVF 777 é super bem localizado, fica a uma quadra da avenida beira mar, no trecho entre a Praça de Boa Viagem e o Parque Dona Lindu. Possui sala com cozinha conjugada, um quarto e um banheiro. Como estávamos em três, minhas duas filhas e eu, foi uma ótima escolha, com um bom custo benefício.

Boa Viagem Flat BVF 777 - Recife
Boa Viagem Flat BVF 777
Boa Viagem Flat BVF 777 - Recife, Pernambuco
Olha a rede!!! Boa Viagem Flat BVF 777

 

Depois da visita a Basílica e Convento do Carmo fomos conhecer a Cocatedral de São Pedro dos Clérigos, a igreja mais bonita do Recife. Clique e confira! 😉

Cocatedral de São Pedro dos Clérigos - Recife - PE
Fachada da Igreja de São Pedro dos Clérigos em Recife, PE

Cidade próximas para empacotar na mesma viagem

Além de Olinda, vizinha do Recife, dá para colocar outras cidades no roteiro, como as praias de Maracaípe, Porto de Galinhas ou outra do município de Ipojuca. Também é possível ir até João Pessoa, a capital da Paraíba, que fica a 120 km de distância do Recife. Já do Recife à Porto de Galinhas são só 60 km, 1 hora de automóvel.

Posts desta nossa viagem ao Nordeste

Um passeio por Recife
A Capela Dourada, o Convento e a Igreja de Santo Antônio no Recife
Concatedral de São Pedro dos Clérigos – a Igreja mais bonita do Recife

Procurando hospedagem que cabe em seu bolso? Pesquise no booking.com ou Airbnb.

 

Booking.com - No booking é fácil reservar e fácil de cancelar. Aproveite os descontos exclusivos e as reservas com cancelamento grátis. Observe as regras de cancelamento de cada hospedagem.

Airbnb - Se viajar mais como local do que como turista é o seu estilo, no Airbnb você encontra casas, apartamentos e até quartos na casa de alguém.

Referências

Nossa experiência pessoal
Prefeitura do Recife
Basílica do Carmo
Portal Iphan
Iphan – Bens tombados em Pernambuco
Arquidiocese de Olinda e Recife
Wikipédia

Este relato é de uma turista apaixonada pelo patrimônio histórico, que passou poucos dias na cidade do Recife, mas ficou com a certeza que quer voltar. Se o que escrevemos contribuiu para a sua vontade de conhecer as belezas do Recife, clique no curtir abaixo e deixe seu joinha para nós. 😉

Deixe sua opinião nos comentários.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: